Enquanto isso no blog ao lado...

quarta-feira, 13 de agosto de 2008

Tudo tão dentro da gente

Sabe aquele começo, quando tudo que um acha legal o outro adora? Quando os dois têm o mesmo conhecimento/gosto musical, literário e cinematográfico? Quando tudo que um fala está certo aos ouvidos do outro?

Pois é, tudo isso se deve à neutrofina, hormônio liberado pelo nosso organismo e que faz tudo ficar lindo, emocionante, perfeito e desesperado. Mas tem um pequeno defeito: seu prazo de validade é de apenas dois anos.

É geralmente depois deste período que tudo volta ao normal. A pessoa amada tem defeitos que começam a te incomodar, o tempo juntos não é mais tão perfeito e as ligações começam a durar o tempo normal.

Mas nem tudo está perdido, sempre há chance de uma grande paixão virar amor de verdade. Basta torcer para que a ocitocina (uma enzima ligada ao aleitamento materno) tome o seu lugar e mantenha, ao menos, o sentimento pela pessoa que tempos atrás te deixou tão perto do céu.

E é assim... Hormônios e enzimas equilibrados são capazes de manter ou não a felicidade de um casal.

2 comentários:

Cah disse...

Nada como a ciência para amenizar os perrengues de nossas vidas amorosas!! Da próxima vez é só dizer: Não sou eu, são os hormônios...

;)
Bjos

Pathy disse...

Pois � menina... minha facu fechou na �ltima semana de provas dos semstre, faltando alguns dias pra eu apresentar o TCC e me formar, e agora vou ter que estudar pelo menos mais esse semestre e talvez o pr�ximo pra conseguir o canudo...

Olha, pode at� ser que esse neg�cio de horm�nio fa�a a diferen�a, mas acho que amor de verdade � que � a garantia de tudo. E a� prazo de validade n�o existe, pode acreditar!!!
=)
Ah! Adorei sua visita...
Bjos

Creative Commons License
Todos os textos estão licenciados sob uma Licença Creative Commons.